Estrutura

Nossa ampla estrutura, com 1 indústria, 4 filiais e mais de 500 funcionários, forma uma equipe global que atende os mais diversos tipos de estabelecimentos comerciais.

Parque Industrial

O parque industrial da Frescatto Company, hoje com 7.500 m² de área construída, conta com os equipamentos da mais alta tecnologia. Tudo para que possamos sempre oferecer aos nossos clientes uma linha completa de frutos do mar, frescos e congelados, com a garantia de procedência que as marcas Buona Pesca e Frescatto sempre exigiram. Além de todo o investimento em tecnologia, contamos com manipuladores treinados e capacitados, que realizam todas as etapas desses processos em ambientes especificamente adequados. O setor frigorífico foi totalmente planejado para garantir uma estocagem que obedece aos mais rigorosos padrões internacionais de qualidade. Possuindo três câmaras distintas, com capacidade de armazenamento de 2750 toneladas de pescado, esse setor ainda possui cinco túneis de congelamento e uma fábrica de gelo. Toda essa moderna estrutura apresenta uma capacidade de industrialização na ordem de duas mil seiscentas e quarenta toneladas ao mês dos melhores pescados.

CONTROLE DE QUALIDADE

O Controle de Qualidade Frescatto tem como um de seus principais sistemas para gerenciamento da segurança e qualidade de seus produtos, o Sistema APPCC* (Análise de Perigo e Pontos Críticos de Controle), conhecido internacionalmente como HACCP (Hazard Analysis and Critical Control Points). O APPCC tem como pré-requisitos as Boas Práticas de Fabricação (BPF) e os Procedimentos e Padrões de Higiene Operacional (PPHO) que também atuam no controle dos perigos potenciais à segurança dos alimentos, desde a obtenção de matérias-primas até o consumo dos produtos finais. Assegurando assim, a Qualidade Frescatto em todas as linhas de produto.

Além do Sistema de Qualidade próprio, a Frescatto conta com uma estrutura de alta tecnologia certificada pelo SIF nº. 1246 (Serviço de Inspeção Federal) - do Ministério da Agricultura, Pecuária e do Abastecimento (MAPA), que serve como mais uma garantia de certificação da qualidade de nossos produtos.

Análises microbiológicas e físico-químicas são realizadas no Laboratório Frescatto e em laboratórios externos que complementam a verificação da eficiência do Sistema APPCC, entre elas estão: swab test; análise sensorial; teste de cocção; verificação de cloro, de pH.

Assim, nossa empresa está sempre em busca da melhoria da qualidade de seus produtos, afim de melhor servir os nossos clientes e atender também as exigências solicitadas.

IMPORTÂNCIA DO PROCESSO DE CONGELAMENTO

A Frescatto utiliza o método rápido de congelamento, realizado dentro de duas horas em túneis de alta performance onde ocorre a formação de pequenos cristais de gelo evitando assim, a perda de nutrientes, sais minerais e sua textura.

CONGELAMENTO

Para garantir a qualidade na hora da compra de produtos congelados, é muito importante saber a idoneidade da empresa e o compromisso que ela tem com o consumidor.

Hoje, podemos garantir a qualidade do produto congelado visto que, através do congelamento, conseguimos preservar a água de constituição do pescado, transformando-a em gelo, além de, com a redução na temperatura, diminuir e até mesmo eliminar a ação de agentes deterioradores, visto que a temperatura do pescado congelado é inferior a -18°C e a maioria dos microrganismos não se desenvolve abaixo de -10°C.

Por causa disso, podemos afirmar que, se descongelado corretamente, o pescado mantém suas características originais, com a vantagem de podermos armazená-lo por muito mais tempo. Enquanto o pescado fresco tem sua vida de prateleira de 3 a 5 dias, o congelado, quando armazenado de forma correta, pode chegar a mais de 12 meses e assim temos como oferecer qualquer produto durante todo o ano.

Existem dois tipos de congelamento: o lento e o rápido. O congelamento lento causa a formação de grandes cristais de gelo e apesar de não apresentar diferença visível em relação ao congelamento rápido, a exsudação do pescado congelado lentamente pode levar a perda de até 10% do peso do produto. E, dessa forma, são perdidas várias substâncias nutritivas e aromáticas do pescado.

DESCONGELAMENTO

Informações de órgãos científicos indicam que a etapa de descongelamento deve ser realizada dentro das temperaturas de segurança, ou seja, entre 3°C e 4°C, ou diretamente no calor, atingindo no mínimo 74°C no centro geométrico do alimento concluindo seu cozimento.

É importante lembrar que o pescado não deve ser descongelado à temperatura ambiente e caso haja necessidade, deve-se fazer um acompanhamento com termômetro, não deixando ultrapassar a temperatura de segurança. A melhor maneira de se descongelar o pescado é deixando-o na geladeira, até que o mesmo atinja sua temperatura de preparo.

Após a etapa de descongelamento o pescado passa a assumir características de pescado fresco, passando a sua validade, de até um ano, para alguns poucos dias (máximo de 2 dias se conservado sob refrigeração). Aconselha-se sempre que nesses casos o recongelamento não ocorra, uma vez que o novo processo de congelamento estará ocorrendo sem o acompanhamento de um controle de qualidade e sofrerá o processo de congelamento lento, que resulta na formação de grandes cristais de gelo que alteram a estrutura da carne.